Ritmos do Paladar

Quem nunca ouviu aquele barulho de chuva na janela e não correu na cozinha pra fazer aquele chocolate? Tem pratos que soam como música para os ouvidos, e tem músicas que fazem dar água na boca!

Não é só de comida boa que vive um restaurante, os outros sentidos também precisam ser aguçados para abrir o apetite e ficar na memória do cliente.

A audição é um dos sentidos que pode influenciar no tempo em que o cliente fica no seu estabelecimento. Já a música os leva para outra dimensão, melodias são recheadas de memórias ou experiencias vividas. Quem não gosta de escutar um som agradável enquanto espera seu prato?!

Os ritmos também podem modificar comportamentos, no Burger King, por exemplo, quando está muito cheio, mudam a música para um ritmo mais veloz. Assim conseguem que seus clientes comam mais rápido e deixem espaço para os próximos. Outro efeito que uma musica bem escolhida pode fazer é dar aquele clima, facilitar a conversa e a intimidade.

O segredo para não errar no som é apostar em um volume que não distraia muito a atenção ou faça uma ameaça ao fluxo da conversa. 

Mas e ai, como escolher uma música?

Pense no seu público, são eles que se sentirão a vontade ou não com a música, ou seja, tenha em mente os seus gostos! Mas nessa trilha não pode faltar tempero, né? Então a trilha escolhida deve seguir o estilo do seu restaurante, sua alma, para reforçar a imagem que deseja transmitir.

Se você acha que o tempo só tem que ser marcado na cozinha, está muito enganado, é importante que sua trilha seja de acordo com o horário, café da manhã, almoço ou jantar.

Legal né?

Mas se você estiver inseguro tem gente no mercado especializada em sound branding, como a Radio Ibiza e a Tecla Music.

DJ TECLA MUSIC NO VENGA

 

DJ RADIO IBIZA NO SOBE

E claro, os que não podem faltar, a galera que sabe usar a musica ao seu favor.

Blue Note

O Blue Note Rio é referencia em Jazz, com destaques nacionais e internacionais da cena a cada mês. Sua cozinha é comandada por nada mais nada menos que Pedro Artagão.

Food Opera

O Food Opera desenvolve experiências gastronômicas multissensoriais. O prato é o palco, já que os clientes encontram uma trilha sonora personalizada que responde a seus ritmos e decisões individuais. Os emparelhamentos de música são entregues por meio de uma matriz de alto-falantes personalizada que posiciona a fonte do som o mais próximo possível do prato que acompanha, incorporando a tecnologia musical de ponta para obter uma sincronização sem precedentes da música com uma refeição. Cada fluxo de som é coordenado em harmonia e ritmo por um software responsivo em tempo real, transformando toda a área de refeições em um ambiente sonoro envolvente. Essa fusão dos sentidos estimula uma consciência intensificada, aumentando a apreciação e o prazer não apenas da música e da comida, mas também da atmosfera do restaurante!

The Sound of Chocolate

Quem é chocólatra vai gostar de conhecer um dos projetos do engenheiro Felipe Carvalho, a iniciativa “The Sound of Chocolate”. Essa experiência envolveu chocolatiers, músicos e cientistas, busca trazer uma nova cobertura (sonora!) ao famoso chocolate belga. O primeiro passo foi criar uma edição limitada de uma caixa de chocolate, que vinha acompanhada com um guia musical, indicando os pares. Interessante, né?

Agora, música boa e bom apetite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: