Banco de alimentos, fazendo a diferença!

Somando solidariedade, boa vontade e dedicação, o Banco de Alimentos faz a diferença na vida de muita gente. E desde 2000 combate a fome e o desperdício de alimentos com uma receita de sucesso. 

Para impedir que toneladas  de alimentos em bom estado para consumo sejam jogadas no lixo, levando para brasileiros em situação de vulnerabilidade. O Banco de Alimentos une em uma rede de solidariedade empresas, voluntários, instituições sociais  e apoiadores que multiplicam cidadania, esperança e desenvolvimento social.

Os alimentos doados pelo Banco Rio devem ser preparados e servidos nas próprias entidades beneficiadas. Em hipótese alguma eles devem ser repassados para terceiros.

“É um dos critérios de elegibilidade do Programa e de garantia ao parceiro doador de que este alimento está chegando, de fato, a quem precisa”

Cida Pessoa, gerente do Banco Rio de Alimentos.

O objetivo é garantir 100% do abastecimento, mas enriquecer o cardápio é servido ao público atendido. Os carregamentos de doações são recebidos na sede, que fica em Madureira, onde são separados para distribuição, de acordo com o perfil de cada instituição, que é traçado por assistentes sociais e nutricionistas, no momento em que as organizações são visitadas. O processo leva em conta, entre outras características, a quantidade de refeições servidas diariamente e as necessidades de quem é atendido.

Para evitar que os pratos fiquem repetitivos, os ingredientes são utilizados em combinações surpreendentes, como o brownie de feijão, o pudim de couve-flor, o suco de repolho roxo e maracujá e o croquete de chuchu, entre outros.

Estabelece parcerias com supermercados, armazéns, redes varejistas, industrias de alimentos, produtores, associações de produtores rurais, centrais de distribuição gráficas, empresas de embalagem e de transporte além de ações de voluntários.

E se você quer conhecer e saber como participar dessa corrente de solidariedade, clique aqui 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: